Traço de caráter masoquista Corpo Explica

traço de caráter masoquista

Você conhece uma pessoa com o formato de corpo quadradinho, super planejadora, que ama agradar e fazer tudo pelos outros, mesmo quando isso faz mal para ela mesma? Conheça o traço de caráter masoquista do Corpo Explica, um traço cheio de habilidades incríveis!

Formação do traço de caráter masoquista

A formação do traço de caráter masoquista ocorre entre os 2,5 e os 3,5 anos de idade.

O foco de controle e força desse traço de caráter está nas pernas. Observe a imagem abaixo. Na cronologia da mielinização, temos a cor amarela na região da coluna lombar. As terminações nervosas da coluna lombar vão para as regiões das pernas, do quadril e controlam toda essa musculatura.

mielinização do sistema nervoso

Essa é a fase do desfralde para a criança.

No momento em que a mielinização chega na região da coluna lombar, a criança ganha controle dos esfíncteres mictório e anal; assim ela consegue segurar o xixi e o cocô. Muitos pais não entendem exatamente quando a criança começa a ter esse controle, e iniciam o desfralde antes da hora, mas a criança ainda não está pronta.

Os pais reclamam que a criança não pediu para ir ao banheiro. A verdade é que a criança ainda não sabia que deixaria escapar. Ela não tem ainda uma percepção e controle para sentir que ia fazer cocô ou xixi, segurar e avisar aos pais ou buscar o peniquinho.

Ela só está preparada para o desfralde quando já consegue subir escadas sozinha sem se segurar na parede ou no corrimão. Isso indica que ela já está completamente mielinizada na coluna lombar e, portanto, tem controle dos esfíncteres.

Os pais, por não entenderem isso, se decepcionam e começam a exercer uma cobrança sobre a criança, gerando nela a dor da humilhação.

e-book traços de caráter roxo

 

A dor da humilhação

Muitas vezes, os adultos repreendem a criança em frente a outras pessoas; então ela se sente humilhada, e isso molda o traço de caráter masoquista. A criança então cria mecanismos para se defender, e nesse momento nasce o recurso do masoquista.

Quando começa a mielinização dos esfíncteres mictório e anal, a criança passa a sentir o “alerta” de que algo em seu corpo está acumulado e precisa sair. Ela ainda não sabe avisar a tempo ou controlar direito essa musculatura, então começa a fazer força com o bumbum, trancando-se para tentar segurar o cocô.

Ao ser criticada e questionada sobre porque fez algo, e não ter uma explicação para dar, a criança apenas absorve aquela cobrança. Ao ter gerada a sua dor, a criança começa a desenvolver seu recurso. Nas próximas vezes, ela presta mais atenção e cria em sua mente um processo para evitar “fazer merda”.

Esse esforço vem com uma sensação de: “tenho que suportar o que está aqui dentro; então se já estão brigando comigo, vou ficar quieto e calado”. A criança desenvolve a capacidade de suportar o mundo externo, o que está acontecendo com ela e com as outras pessoas.

O traço de caráter masoquista entende que é preciso se fechar, se resguardar, porque é forte e suporta. Ele tem uma tendência a ser mais recluso, porque quanto mais pessoas ao seu redor, maior a humilhação que ele sente que pode passar se “deixar escapar”.

Estrutura corporal do traço masoquista

Nossas emoções se comunicam com o sistema nervoso, que molda o nosso corpo para interagir com o mundo exterior da melhor forma possível. Assim, o corpo do masoquista é forte, com aspectos quadrados, capaz de suportar muito.

Sua musculatura é mais densa e o masoquista tende a trancá-la por causa da sensação de que será cobrado por algo que não sabe explicar, então, melhor trancar e travar, sem deixar algo negativo sair. Além disso, como o masoquista precisa ser forte, sua pele costuma ser mais dura, mais densa.

Como exemplo de pessoa com predominância do traço de caráter masoquista, temos a ex-presidenta Dilma. Ela tem um rosto mais quadrado e trancado, assim como o tronco. No conjunto todo, ela carrega um traço de caráter masoquista bem evidente.

Numa outra imagem de costas, a Dilma também tem no bumbum um aspecto mais trancado, amassado. Se observarmos o ombro, notamos que eles parecem carregar muito peso.

Vamos ver agora como é cada parte do corpo do masoquista.

instagram

Cabeça do traço de caráter masoquista

A cabeça do masoquista é mais quadrada, a pele do seu rosto é mais grossa e há pontos de tensão, como se estivesse constantemente preocupado.

Olhos do traço masoquista

Em seus olhos também existe um peso, com sobrancelhas que baixam o olhar, e bolsas ou olheiras inchadas na parte inferior. O traço de caráter masoquista passa no olhar uma sensação de estar com medo ou de querer evitar o olhar do outro.

Você também pode ter a sensação de que ele está com raiva, ou pronto para se submeter a você.

Todo esse conjunto pode transmitir a ideia de preocupação, e é isso mesmo que o masoquista sente. Ele pensa se está fazendo certo ou errado, se vai ser julgado, etc.

Masoquismo na boca

Aqui vemos uma característica muito específica, que é a da boca trancada. A musculatura do maxilar e do rosto tende a ser mais dura, mais travada ou ressaltada. O masoquista não quer cometer erros física ou verbalmente. É comum o formato dessa boca compor um “U” de cabeça para baixo, como se lutasse para não abrir.

Outra característica presente na boca de um masoquista é uma arcada dentária um pouco mais desorganizada, porque com seus dentes, ele tenta segurar tudo que está ali dentro. É nos dentes que ele prende a raiva para não explodir com quem ele gostaria de já ter explodido há muito tempo. É comum a pessoa ter bruxismo por essa razão.

Tronco do masoquista

A região do tronco tende a ser mais musculosa e mais quadrada como um todo. É uma postura que segura um peso, e pode criar um calombo na região da coluna cervical, entre os ombros e o pescoço.

Nas costas do masoquista, percebemos também menos curvas. Elas são retas, chapadas, e às vezes terão uma pequena curva para fora.

Quadril do masoquista

O quadril do masoquista é quadrado, e isso pode ser visto observando a região sozinha ou em relação ao restante do corpo, por haver uma linha reta nas suas laterais. O bumbum como já falamos, é duro, trancado.

Pernas do masoquista

Nas pernas, vemos às vezes coxas e batatas da com a mesma largura, como se fossem troncos. Nessa região há muita energia, firmeza, muita “carga”. Já os joelhos do masoquista são apontados para fora, assim como os pés, que se abrem. A batata da perna é grande, mas não faz uma curva, é direta e não tem desenho.

De modo geral, o masoquista tem uma carga mais enraizada. Quando você o vê sentado, por exemplo, parece que ele está e vai ficar por muito tempo, como se criasse raízes. Isso acontece porque ele se sente mais seguro quando está parado, sentado e de preferência sem ninguém atrás de si.

O traço de caráter masoquista precisa de segurança e certeza para existir bem. Para entendermos melhor o seu mundo, vamos falar agora sobre o masoquista na dor e no recurso.

Traço masoquista na dor

Quanto mais o masoquista estiver na dor, mais recluso ele fica. No recurso, ele desenvolve seus métodos para  sentir que “dá conta” e suporta, para lidar bem com tudo que acontece a sua volta e, inclusive, poder expressar seus sentimentos em um namoro ou casamento. Alguém desse traço tem alta dependência emocional.

As pessoas com predominância do traço de caráter masoquista transmitem a sensação de que seguram o máximo possível, muitas vezes parecendo uma panela de pressão. Existe uma polaridade entre segurar o máximo possível e explodir. Isso está atrelado a raiva, que nasce quando ele se sente humilhado, e segura até não aguentar.

Quando coloca para fora, acaba exagerando, e pode trazer de volta coisas de anos atrás que a outra pessoa nem lembra mais. Já ele não só lembra, como ainda sente. Trazer isso de volta e colocar para fora não é exagero, é uma forma de se aliviar.

A pessoa com traço de caráter masoquista costuma se orgulhar de aguentar o que os outros não aguentam; mas se ela pessoa não escolhe “o que” aguentar, vira um capacho que todo mundo pisa sem pensar muito. O masoquista na dor tende a se fechar, não produzir e ficar estático.

≠≠

Explodir ou implodir

O masoquista que guarda suas emoções para si, é passivo, tem um processo de autodestruição, porque joga a sua raiva guardada, acumulada, sobre ele mesmo, enquanto o masoquista que explode joga a sua raiva para o mundo.

Nesse caso, se sentindo acuado, ele começa a passar por cima de todos, como um trator. Ele vira uma espécie de sargento autoritário que precisa humilhar os outros como autodefesa.

Essas são as duas variações do traço de caráter masoquista, e a diferença não está nas formas do corpo, mas na história, no comportamento, e na forma de lidar com o mundo.

Traço masoquista no recurso

Quando ele começa a filtrar o que carrega, nasce o seu recurso.

Como o masoquista busca segurança, ele “se solta” ao confiar em seu ambiente e nas pessoas ao redor. Isso o faz criar raízes, se colocando à disposição, ajudando, se expressando sem nutrir o medo do julgamento. Um masoquista no recurso solidifica, executa, e faz as coisas acontecerem. Um masoquista no recurso que para de cuidar dos outros tem boa capacidade de fazer dinheiro para realizar seus próprios sonhos.

Para pessoas mais aceleradas, a velocidade de execução do masoquista pode ser lenta, mas isso acontece porque ele é muito detalhista; então só dá um passo quando tem segurança de que aquele é o passo certo.

Masoquistas são muito bons em cuidar de processos, métodos, procedimentos e coisas que demandam atenção aos detalhes. Os outros traços de personalidade normalmente não têm paciência com esse nível de aprofundamento.

Ele é uma pessoa muito confiável, alguém com quem você pode dividir sua carga. Ele coloca a força que tem à sua disposição, mas agora, de forma saudável. Se você começar a usar a força dessa pessoa só para colocar dores, lixo, peso, o masoquista no recurso barra isso em algum momento. Ele finalmente percebe que não tem ganho nenhum com isso quando cuida das necessidades do seu traço.

e-book traços de caráter

O que esperar ou não de um masoquista

O que podemos esperar de um masoquista é força, cautela, cumplicidade, consistência e atenção aos detalhes. Ele é muito legal, não é o tipo que está aberto a traição no casamento. E o que não podemos esperar de um masoquista é espontaneidade, improviso, ou que ele abra seus sentimentos automaticamente.

O masoquista não funciona bem com improviso, sobretudo quando em exposição. Enfim, ele fica muito inseguro nessa situação. Em suma, ele precisa de organização e script, pois se culpa quando erra e procura evitar isso.

Podemos estimular um masoquista mostrando a ele que reconhecemos no que ele é bom e parabenizando o seu esforço, dizendo isso a partir as características que falamos aqui.

Isso vale especialmente se você reconhecer essas qualidades publicamente, porque, se o masoquista se sente humilhado com uma bronca ou um feedback negativo quando há mais pessoas ao redor, também encontra um bem e um estímulo muito maior quando há um elogio público.

Então, gostou de saber mais sobre o traço de caráter masoquista? Envie o post para alguém em quem você identificou esse traço, e aproveite para escrever nos comentários o que mais te surpreendeu. Confira os outros traços em nosso blog! Acompanhe os conteúdos novos todos os dias no instagram.

Entenda como colocar seus traços no recurso com o E-book TRAÇOS DE CARÁTER +2 bônus: mentoria individual dos traços e aula gravada.  Um novo mundo vai se revelar para você quando você entender como funciona e como ficar no recurso dos teus traços!

e-book traços de caráter

ENTENDA SEUS TRAÇOS DE CARÁTER  E APRENDA A SAIR DA DOR

E-BOOK TRAÇOS DE CARÁTER + 2 bônus